<> Existe um espaço de 20 segundos entre o começo do Fado e a sua identificação <>
Loading ...
<> <> <> <> <>
Vai certamente encontrar // Algumas incorreções /:/ Se quiser, pode ajudar // Com boas informações.

<> <> <> <> <>
As letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.

<> <> <> <> <>
A seguir aos índices encontrará uma lista aconselhável de FONTES de FADO !!!

<> <> <>

<> <> <>
5.680 Letras / 1.320.000 VISITAS // JULHO 2019

Fado da rua traquina

Rodrigo de Melo / Georgino de Sousa
Repertório de Vicente da Camara

Minha rua sossegada
Onde se não passa nada
E se conhece quem passa
És como certas mulheres
Tão linda sem o saberes
Com graça sem querer ter graça

Não tens luxo e és ditosa
Não te compões e és formosa / Não és rica e vives bem
Minha rua pequenina
Onde brincaste em menina / E já brincou minha mãe

Trabalhas mas também amas
Quando o amor acende chamas / No olhar das tuas donzelas
És maneirinha e garrida
Governas a tua vida / E tens cravos nas janelas

Eu não tenho outra delícia
Que ir vivendo na carícia / De te dar minha amizade
Deixar-te era padecer
Era aprender a dizer / 
Esta palavra saudade