<> Existe um espaço de 20 segundos entre o começo do Fado e a sua identificação <>
Loading ...
<> <> <> <> <>
Vai certamente encontrar // Algumas incorreções /:/ Se quiser, pode ajudar // Com boas informações.

<> <> <> <> <>
As letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.

<> <> <> <> <>
A seguir aos índices encontrará uma lista aconselhável de FONTES de FADO !!!

<> <> <>

<> <> <>
5.875 LETRAS // 1.470.000 VISITAS // NOVEMBRO 2019

Agora que nada somos

Artur Ribeiro / Adelino dos Santos
Repertório de Manuel de Almeida

Hoje todos os caminhos
Me conduzem ao que fomos
Agora que nada somos
E nem andamos vizinhos

Vão dar a ti, finalmente / Todas as minhas ideias
E o sangue das minhas veias / Chama por ti loucamente

Agora precisamente / Após todas as canseiras
Quando tu talvez não queiras / Acreditar-me dif'rente

Quando mais estamos sozinhos / È quando mais peço a Deus
Que encaminhe os passos teus / 
De novo nos meus caminhos