- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.585 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Fado monte

Carlos Leitão / Custódio Castelo
Repertorio de Carlos Leitão

Nasce o sol no alentejo / Nasce água clara na fonte
Nasce em mim a saudade / Na ladeira do teu monte

Na ladeira do teu monte / Meu amor, quando eu te vejo
Nasce água clara na fonte / Nasce o sol no alentejo

Amanheceu e a porta abriu
O sol plebeu ao meu sonho
Que ninguém viu
È neste monte que o horizonte
Se levanta e faz tardio
Doce lembrança que não partiu

Mais aconchego
Vinho em botão
Calor no apego
Sangue na mão

Um céu deserto traz à saudade
A chuva ao perto
Num corpo aberto à liberdade
Em mil imagens conto as viagens
De um passado sem idade
E se me esqueço, sonho à vontade