- - -

- - -
° Caro visitante, existe 1 minuto de interregno entre a identificação dos intérpretes °
Loading ...
- - -
° 6.000 Letras Publicadas // 1.800.000 Visitas ° 10.07.2020
- - -
° Por questãoes de funcionalidade existem índices divididos em 2/3 colunas // Os fados de Coimbra e os Humorísticos estão em colunas isoladas °
- - -
° Procure a letra do Fado // Pelo título correto // E veja aqui publicado // O seu Fado predileto // Se não encontra o seu fado preferido // Envie, por favor, o seu pedido °
- - -
° fadopoesia@gmail.com °

.

É quando canto o meu fado

Letra e musica de Manuel Alcobia
Repertório de Vasco Rafael

É quando canto o meu fado
E que Lisboa anoitece
Que o meu amor acontece
Nas longas asas da noite;
Que é de noite que eu existo
E afasto a melancolia
Com que me visto de dia

É quando canto o meu fado
Que me encontro inteiramente
Neste corpo onde m' invado
Me ultrapasso intensamente;
Febrilmente vejo sombras
Refletindo um tal bailado
Nos movimentos dum fado

É quando canto o meu fado 
Que o meu amor se enternece
E que me meu corpo estremece
Nos braços da fantasia;
Que fantástica harmonia
E os movimentos da noite

Têm sons de sinfonia