- - - - - - - - - -

- - - - - - - - - -
- - - - - - - - - -

° Caro visitante, existe 1 minuto de interregno entre a identificação dos intérpretes °
Loading ...

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

As letras publicadas referem a fonte de extração, ou seja: nem sempre são mencionados os legítimos criadores.

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Existem (pelo menos) 80 letras publicadas que não constam do índice. Caso encontre alguma avise-me, por favor.

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

6.200 LETRAS PUBLICADAS // 2.028.600 VISITAS // Janeiro 2020

Atingido este valor // Que me faz sentir honrado // Continuo, com amor // A ser servidor do fado.

.

Minha almofada

Diogo Clemente / Julio Proença *fado esmeraldinha*
Repertório de José Manuel Barreto

Vou falar-te outra vez, minha almofada
Daquela a que a saudade me consome
Soubeste-nos aqui de madrugada
Soubeste-me ao silêncio do teu nome

Tem nome duma flor por inventar
Quebrada pela vida, como eu
A flor que o sol não quer iluminar
Mas vai gritando ao sol que já nasceu

Vê bem minha almofada, faz-se dia
Não esqueças essa longa madrugada
Que o chegar da saudade essa agonia
Vou falar-te outra vez, minha almofada