- - - - - - - - - -

- - - - - - - - - -
- - - - - - - - - -

° Caro visitante, existe 1 minuto de interregno entre a identificação dos intérpretes °
Loading ...

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

As letras publicadas referem a fonte de extração, ou seja: nem sempre são mencionados os legítimos criadores.

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

6.170 LETRAS PUBLICADAS // 2.000.000 VISITAS // DEZEMBRO 2020

Atingido este valor // Que me faz sentir honrado // Continuo, com amor // A ser servidor do fado.

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Existem (pelo menos) 80 letras publicadas que nao constam do índice.

Caso encontre alguma avise-me, por favor.

Se não encontra o Fado preferido // Envie, por favor, o seu pedido.

Como nunca mais

Letra e musica de Tózé Brito
Repertório de Ana Moura

Saudade, vá, entra à vontade
Porque eu já esperava que fosses voltar
Com esses teus olhos tão verdes
Falando de esperança para me tentar

Saudade senta-te à vontade
E dá-me notícias que trazes de alguém
Passado, porque tudo passa
E até, saudade, vais passar também

Não há dois dias nunca iguais
Eu quero viver cada dia como nunca mais

É bem possível que amanhã
Ainda me peças p’ra voltar atrás
Mas ouve, o que passou passou
Nada se repete, p’ra mim tanto faz

É bem possível que outro amor
Rcresça em mim em flor, da cor do jasmim
O improvável aontece
E até tu, saudade, vais chegar ao fim