<> Canal de rádio criado em homenagem a RODRIGO <>
Clique na imagem e oiça Fados

<> <> <>
As 5.850 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.

<> <> <>
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa.
Paulo Freire *filósofo* 1921 <> 1997

<> <> <>
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil <> Em caso de dificuldade não hesite em contactar <> fadopoesia@gmail.com

Pensando à noite

Letra e música de Helder do Ó
Repertório de autor

O som da noite embalava a minha cama
Quando vesti de ti, meu pensamento
Ardia em mim aquele fogo, aquela chama
Desse desejo inflamado que sustento
       
Porque és a mentira que eu quisera verdade
És o meu tempo inteiro de saudade
És a razão que não tem razão de ser
És a vontade que eu tenho de te ter;
És a força que ainda me suporta
És quem eu quero ver quando abro a porta
És aquela maravilha que sonhei
És a canção que adoro e que não sei

No meu silêncio oiço o som da tua voz
Que me serviu de companhia a noite inteira
Trago comigo aquela mágoa que há em nós
E aquela estrela que foi nossa compnheira

És a música que me entra no ouvido
És o tema do meu cantar dolorido
És a espera impaciente mas esp’rançada
És o frio que sinto quando é madrugada;
És a felicidade porque há tanto espero 
És a minha vida toda porque eu quero