<>-----<>-----<> Existe um espaço de 20 segundos entre o começo do Fado e a sua identificação <>-----<>-----<>
Loading ...

5.915 LETRAS // 1.500.000 VISITAS // DEZEMBRO 2019

As facas

Manuel Alegre / Alain Oulman
Repertório de Amália

Quatro letras nos matam, quatro facas
Que no corpo me gravam o teu nome
Quatro facas, meu amor, com que me matas
Sem que eu mate esta sede e esta fome

Este amor é guerra de arma branca
Amando ataco, amando contra-atacas
Este amor é de sangue que não estanca
Quatro letras nos matam, quatro facas

Armada estou de amor e desarmada
Morro assaltando, morro se me assaltas
E em cada assalto sou assassinada

Ninguém sabe porquê, nem como foi
E as facas ferem mais quando me faltas
Quatro letras nos matam, quatro facas
Quatro facas, meu amor, com que me matas