- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - - - -
As 5.440 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os
- - - - -
Ninguém sabe tudo, ninguém ignora tudo, só todos juntos sabemos alguma coisa <> PAULO FREIRE *filósofo*
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

À porta da Brasileira

Domingos Lobo / Mário Pacheco
Repertório de Cristiana Águas

Encontrei-te por acaso
No Chiado ontem à tarde
E reparei que ias triste
Afinal o nosso caso
Ainda é sangue que arde
Sombra de amor que resiste

Disseste que me esquecias
Entre dois copos de rum / Morre um amor, outro amanhece
Mas no olhar exibias
Aquele langor comum / Que o sol tem quando amanhece

O olhar, espelho da alma
È traiçoeiro e transporta / As mágoas do coração
E vi nele muda e calma
A palvara que abre a porta / Aos medos da solidão

Mas o amor tem tantos laços
Dor, ciúme e alegria / Veredas da vida inteira
E quando te abri os braços
Teu beijo acendeu o dia / À porta da Brasileira