- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.585 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

De uma prisão

António Calém / Joaquim Campos *fado puxavante*
Repertório de Maria Valejo

Renasce na escuridão
A luz da esperança perdida
Mesmo dentro da prisão
Há sempre um grito de vida

Vejo uma rosa encarnada
Quedar-se lá muito além
Essa rosa é madrugada
Que é nossa e de mais ninguém

Colheremos essa rosa
A rosa do nosso amor
Quando o mundo for só nosso
Ou só nossa aquela flor