- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.585 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Madrugada sem ter sono

Alexandre Fontes / Franklim Godinho
Repertório de Tristão da Silva

Madrugada sem ter sono
Dando voltas no meu leito
Ao lembrar teu abandono
Sinto angústias no meu peito

Dorme comigo o luar / Não tenho sono, que importa
Mas eu não quero sonhar / Sem entrares aquela porta

Se Deus quiser que um dia / Tu regresses novamente
Ao sentir tanta alegria / Eu vou dormir, finalmente

Eu prometo, meu amor / Vou esquecer o que sofri
E digo seja a quem for / 
Que sou feliz junto a ti