Clique na imagem e oiça Fado !!!
* * * * *
As 5.380 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores !!!
---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
<> Ninguém sabe tudo, ninguém ignora tudo, só todos juntos sabemos alguma coisa <> PAULO FREIRE *filósofo brasileiro* 1921/1997
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
* Por motivos alheios à minha vontade, o motor de busca nem sempre responde satisfatóriamente *
------------------------------------------------------------------------- -------------------------------------------------------------------------
* Caso necessite de ajuda envie a sua mensagem para: fadopoesia@gmail.com *
* * * * *

Da solidão

Mafalda Arnauth / Henrique Lourenço *fado cigana*
Repertório de Mafalda Arnauth

Sempre que me encontro a sós 
Com a minha solidão
Que lhe canto o mesmo fado
Um que fala de abandono
E anda por aí escondido
Num sorriso bem traçado

São dois dedos de conversa
Num silêncio que é só nosso / E em que o mundo nos perdeu
Não sei onde te encontrei
Solidão de onde me vens / P’ra afogar tudo o que é meu

Não tenho como parar
O lamento que se acende / Numa voz feita oração
Vou rezando em cada fado

Pela paz que tanto anseio / Ter de volta ao coração