- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.590 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

As fontes

Sophia de Mello Breyner Anderson / Filipe Raposo
Repertório de Ana Laíns 

Um dia quebrarei todas as pontes 
Que ligam o meu ser, vivo e total
À agitação do mundo, do irreal
E calma subirei até às fontes

Irei até às fontes onde mora
A plenitude e o límpido esplendor
Que me foi prometido em cada hora
E na face incompleta do amor

Irei beber a luz e o amanhecer
Irei beber a voz dessa promessa
Que às vezes como um voo me atravessa
E nela cumprirei todo o meu ser