Clique na imagem e oiça Fado !!!
* * * * *
As 5.380 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores !!!
---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
<> Ninguém sabe tudo, ninguém ignora tudo, só todos juntos sabemos alguma coisa <> PAULO FREIRE *filósofo brasileiro* 1921/1997
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
* Por motivos alheios à minha vontade, o motor de busca nem sempre responde satisfatóriamente *
------------------------------------------------------------------------- -------------------------------------------------------------------------
* Caso necessite de ajuda envie a sua mensagem para: fadopoesia@gmail.com *
* * * * *

Sombras da noite

João Dias / Carlos Neves *fado tamanquinhas*
Repertório de Manuel de Almeida 

Andei p’la noite, gritando
Coisas que não entendi
Só sei que quando em quando
O teu nome ia turvando
O vinho que não bebi

E em cada sombra que via / Imaginava o teu corpo
E atrás da sombra corria
Como um cego atrás do dia / Ou um marujo sem porto

E num barco sem partida / Embarquei a minha dor
Na maré baixa da vida
Amarado à despedida / No cais do primeiro amor

E quando o dia nasceu / Senti o remorso irado
Como a culpa que morreu
O ciúme aconteceu / E assim nasceu este fado