<> Canal de Rádio criado em homenagem a RODRIGO <>
Clique na imagem e oiça a Rádio Bocas do Fado

<> <> <>
Este espaço foi criado <> Com grande dedicação <> Por alguém que faz do fado <> A sua religião.

<> <> <>
As 5.850 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.

<> <> <>
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa.
Paulo Freire *filósofo* 1921 <> 1997

<> <> <>
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil <> Em caso de dificuldade não hesite em contactar <> fadopoesia@gmail.com

Brilhem as manhãs

Maria de Lurdes Brás/ José António Silva *fado bacalhau*
Repertório de Nuno de Aguiar

Correm as nuvens no céu
Apagaram-se as estrelas
Brilha menos meu olhar
Nem o teu sorriso é meu
E nem as palavras belas
Nunca mais te ouvi falar

Eu fui só uma aventura
Um jogo por ti jogado / Uma breve novidade
De ti só fica amargura
Não vou ficar baralhado / Nem de ti vou ter saudade

Há sorrisos bem ardentes
Olhos que dizem verdades / Bocas que falam sem querer
Tu não sabes o que sentes
O teu mundo é só vaidades / Falas sem nada dizer

À vida eu agradeço
Até as palavras vãs / As tristezas e alegrias
Por amor a Deus, só peço
Nasçam todas as manhãs / Brilhe o sol todos os dias