- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

Rádio apadrinhada pelo mestre RODRIGO

Rádio apadrinhada pelo mestre RODRIGO
CANAL DE JOSÉ FERNANDES CASTRO EM PARCERIA COM A RÁDIO MIRA

- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

Loading ...

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

* As letras publicadas referem a fonte de extração, ou seja: nem sempre são mencionados os legítimos criadores *

<> 6.365 LETRAS <> 2.266.500 VISITAS <> SETEMBRO 2021 <>

* ATINGIDO ESTE VALOR /*/ QUE ME FAZ SENTIR HONRADO /*/ CONTINUO, COM AMOR /*/ A SER SERVIDOR DO FADO *

* POIS MESMO DESAGRADANDO /*/ A *TROIANOS* MALDIZENTES /*/ OS "GREGOS VÃO APOIANDO /*/ E VÃO FICANDO CONTENTES *

* NÃO ENCONTRA O FADO PREFERIDO? /*/ ENVIE, POR FAVOR, O SEU PEDIDO * fadopoesia@gmail.com

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

* NASCEU ASSIM... CRESCEU ASSIM... CHAMA-SE FADO // Vasco Graça Moura // Porto 03.01.1942 // Lisboa 27.04.2014 *

---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Bravo, Paulo Caetano

Maria de Lurdes Brás / Cruz e Sousa
Repertório de Maria de Lurdes Brás

Toureiro com graça
Português de raça / Tão bravo e valente
Casaca a brilhar
Na praça vais dar / Alegria à gente

És bom cavaleiro
E o teu companheiro / De real nobreza
Firme na montada
Porque hoje a tourada / È bem à portuguesa

Bravo, bravo: grita a gente
Feliz, contente / Deixas a praça de pé
És o toureiro do ano / Viva o Paulo Caetano
Bravo, bravo / Meu valente, olé, olé

Dás graças a Deus
Coragem te deu / Destreza e bravura
Com calma serena
Enfrentas na arena / Um toiro miura

Altivo e imponente
Montas no Valente / E começa a lida
Pedindo mais sorte
Enfrentas a morte / Arriscando a vida