- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.580 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Caminhamos sós

Hélio da Costa Ferreira / Manuel dos Santos
Repertório de Tony de Matos

Como dois amantes caminhamos sós
Há gritos na noite
Há sombras que passam, há beijos de fogo
Pedaços de nós
Como dois amantes c
aminhamos sós

Nas ruas da vida, a nossa verdade
È viver assim, corpos agarrados
Destinos marcados, caminhos sem fim

Vamos lado a lado, longe muito longe
Viver devagar onde o amor nasceu
O fado que è nosso e a vida nos deu