- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.580 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Emigrante *T.Matos*

Manuel Paião / Eduardo Damas
Repetório de Tony de Matos

Saí da minha terra, certo dia
Sozinho, a caminho lá da França
Deixando para trás tudo o que amava
Deixando até, meus sonhos de criança

Lá longe tive então de arranjar vida
Lutando por um desejo bem sagrado
Levar minha mulher e os meus filhos
P'ra irem lá viver para meu lado

E agora em França
Trabalho
e vivo bem
Agora em França
Eu penso que afinal
Feliz, feliz, eu só serei no dia
Em que já possa voltar p'ra Portugal


Lá longe desta terra, sou estrangeiro
Lá longe desta terra às vezes choro
E muitas noites só, eu sonho e rezo
E o meu regresso, a Deus então imploro

No dia a dia então eu vou pensando
Que aos estrangeiros dei a mocidade
Depois sozinho, eu sinto ir chegando
A companheira que è a saudade