- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.585 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Bairros de Lisboa

Domingos G. Costa / Francisco Carvalhinho
Repertório de Adeleide Rodrigues

Vem comigo visitar / Os bairros desta Lisboa
Numa noite em que o luar / A nossa terra abençoa

Vem ver a Graça cantando / Vem ver de Alfama a magia
A Madragoa bailando / E chorando a Mouraria

Desde o Castelo ao mar infindo
Tudo isto ė belo, tudo isto ė lindo
Lisboa airosa è afinal
Tela famosa do meu Portugal


Quando Lisboa desperta / Alegre, fresca e louçã
Lembra uma janela aberta / A meio do sol da manhã

E aqui tens o estranho encanto / Dos bairros desta cidade
Onde se fala do pranto / 
Do fado, amor e saudade