As 5.156 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores !!!
---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
<> POR FAVOR, alerte-me para qualquer erro que encontre <>
<> Ninguém sabe tudo, ninguém ignora tudo, só todos juntos sabemos alguma coisa <> PAULO FREIRE
---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
* Por motivos alheios à minha vontade, o motor de busca nem sempre responde satisfatóriamente *

* A seleção alfabética é da responsabilidade da blogspot !!!
* Caso necessite de ajuda envie a sua mensagem para: fadopoesia@gmail.com *
----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------


No Ribatejo o sol é d’oiro

Alexandre Fontes / Jorge Fontes
Repertório de Rodrigo

Sempre que vou ao Ribatejo
E ao meu lado comigo vais
Eu sinto em mim um forte desejo
De ver as toiradas tradicionais

Vejo um toureiro cheio de raça
A executar a mais bela faena
O povo delira dentro da praça
Lançando flores para dentro da arena

O sol é d’oiro, lezíria garrida
Onde um bravo toiro espera p’la corrida
Gente sadia, campino valente
Onde a valentia anda frente a frente

Pegas de caras pelos forcados
Que o toiro agarram pelo cachaço
Bravos rapazes endiabrados
Que enfrentam a morte num simples abraço

Eu nunca vi tanta grandeza
Que há no fandango e no campino
Dia de festa tão portuguesa
Nessas touradas com o sol a pino