<> Canal de rádio criado em homenagem a RODRIGO <>
Clique na imagem e oiça Fados

<> <> <>
As 5.850 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.

<> <> <>
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa.
Paulo Freire *filósofo* 1921 <> 1997

<> <> <>
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil <> Em caso de dificuldade não hesite em contactar <> fadopoesia@gmail.com

Anda matar a saudade

Gervásio Miguel / Joaquim Pimentel *ó meu amor marinheiro*
Repertório e Gervásio Miguel

Sinto saudades desses tempo em que eu era
Feliz, por te ter à espera de mim a horas tardias
Sinto saudades dum beijo teu mordiscado
Quando dormia a teu lado, sabendo quanto me querias

Sinto saudades de toda a tua frescura
Das caricias, da ternura que só tu sabias dar
Sinto saudades do loiro dos teus cabelos
E dos teus olhos tão belos, quando me querias amar

Anda matar a saudade
Que não me deixa um momento
Vem ouvir a voz do mar
A murmurar meu lamento
Anda matar a saudade
Esta noite, em nossa cama
Amor de amar de verdade
Tenho eu, só tem quem ama