- - - - - - - - - -

Canal de J.F.Castro em parceria com a Rádio Mira

Canal de J.F.Castro em parceria com a Rádio Mira
° Caro visitante, existe 1 minuto de interregno entre a identificação dos intérpretes °
Loading ...

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

As letras publicadas referem a fonte de extração, ou seja: nem sempre são mencionados os legítimos criadores.

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Existem (pelo menos) 80 letras publicadas que não constam do índice. Caso encontre alguma avise-me, por favor.

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

6.270 LETRAS PUBLICADAS /*/ 2.078.500 VISITAS /*/ MARÇO 2021

ATINGIDO ESTE VALOR /*/ QUE ME FAZ SENTIR HONRADO /*/ CONTINUO, COM AMOR /*/ A SER SERVIDOR DO FADO.

Pois mesmo desagradando // A "Troianos" maldizentes / Os "Gregos" vão apoiando // E vão ficando contentes

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Se não encontra a fado preferido // Envie, por favor, o seu pedido.

fadopoesia@gmail.com

- - - - - - - - - - - - - - - -

Pesquisa.

Dias de Feira da Ladra

Gabriel de Oliveira / Manuel Maria Rodrigues *marcha do manel maria*
Repertório de Manuel de Almeida


Dias de Feira da Ladra
Santolas e vinho tinto
Guitarradas e cantigas
Desordens, noites na esquadra
Ai que saudades que eu sinto
Por essas coisas antigas

Os Faias mais afamados / Grandes improvisadores
Não faltavam nesse dia
E dos bairros afastados / Também vinham cantadores
Tudo ali se reunia

À tarde, a seita abancava
Numa taberna pequena / Mesmo em frente do jardim
Um dos fadistas cantava
Era o princípio da cena / Com provocações no fim

Na febre do desafio / Eram mais que provocantes
As cantigas que cantavam
Davam-se lutas de brio / Sustentadas nos descantes
Que às vezes tão mal findavam

Dia de Feira da Ladra
Ó fadistagem moderna / Morreu essa tradição
Desordens, noites na esquadra
Fadistices na taberna / São coisas que já lá vão