<> Existe um espaço de 20 segundos entre o começo do Fado e a sua identificação <>
Loading ...
<> <> <> <> <>
Vai certamente encontrar // Algumas incorreções /:/ Se quiser, pode ajudar // Com boas informações.

<> <> <> <> <>
As letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.

<> <> <> <> <>
A seguir aos índices encontrará uma lista aconselhável de FONTES de FADO !!!

<> <> <>

<> <> <>
5.680 Letras / 1.320.000 VISITAS // JULHO 2019

O rafeiro

Letra e música de Daniel Gouveia
Repertório de Daniel Gouveia 

Tinha o pêlo revolto, luzidio
Focinho arrebitado, olhar ladino
Era rafeiro, sim, era vadio
Mas quis ser meu, quando eu era menino

Levava a minha cesta do almoço
Quando ia para a escola, em galopada
E esperava-me ao voltar, em alvoroço
Por uma festa minha… por mais nada

Punha o Chico do Talho em polvorosa
Pra lhe roubar um naco, tinha manhas
Lambia a mão da velha Tia Rosa
Sentada ao fogareiro, a assar castanhas
Ao Zé Ardina guardava a sacola
Quando um treino à socapa era a notícia
E, prá equipa não ficar sem bola
Rasgou um dia as calças ao polícia

Hoje, a rua que foi da minha infância
Parece mais estreita, mais sombria
Falta um certo latido na distância
Sobra saudade dessa companhia

Chamo em silêncio o nome que foi dele
E o eco da viela onde o perdi
Em silêncio me grita que, sem ele
Está tão diferente o bairro onde eu nasci