<> Existe um espaço de 20 segundos entre o começo do Fado e a sua identificação <>
Loading ...
<> <> <> <> <>
Vai certamente encontrar // Algumas incorreções /:/ Se quiser, pode ajudar // Com boas informações.

<> <> <> <> <>
As letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.

<> <> <> <> <>
A seguir aos índices encontrará uma lista aconselhável de FONTES de FADO !!!

<> <> <>

<> <> <>
5.680 Letras / 1.320.000 VISITAS // JULHO 2019

António Batista

José Luís Gordo / Fontes Rocha
Gravação de José Manuel Barreto
Repertório de João Braga


A noite era breu de medos tamanhos
Só ele e o céu em terra de estranhos;
Os olhos cansados pesavam saudades
Coração nas mãos batendo ansiedades;
O Burro carregado, a fronteira á vista
E o medo agarrado ao contabandista

António Batista

Foi contrabandista / Em terras de Espanha
Desde peque
nino
Conhece o caminho / E o frio que se apanha
Veredas estreitas

Os olhos á espreita / Á espreita do perigo
António lá ia / Naquela agonia

Dum guarda escondido
Ai valha-me Deus, dizia baixinho
Tão grandes os céus, tão longo o caminho;
Dormia em segredo á beira dum rio
E a manta do manta do medo tapava-lhe o frio;
Vestia a coragem de quem vai morrer
Ao passar a fronteira que o vira nascer