Caro visitante, existe 1 minuto de interregno entre a identificação dos intérpretes.
Loading ...

Por questões de funcionalidade, existem índices divididos em 2/3 colunas.

Os Fados de Coimbra bem como os Fados Humorísticos estão em colunas próprias.

Procure a letra do Fado * Pelo título correto * E veja aqui publicado * O seu Fado predileto.

Se não encontra o Fado preferido // Envie, por favor, o seu pedido.

6.000 Publicações <> 1.750.000 Visitas <> Maio 2020

-

António Batista

José Luís Gordo / Fontes Rocha
Gravação de José Manuel Barreto
Repertório de João Braga


A noite era breu de medos tamanhos
Só ele e o céu em terra de estranhos;
Os olhos cansados pesavam saudades
Coração nas mãos batendo ansiedades;
O Burro carregado, a fronteira á vista
E o medo agarrado ao contabandista

António Batista

Foi contrabandista / Em terras de Espanha
Desde peque
nino
Conhece o caminho / E o frio que se apanha
Veredas estreitas

Os olhos á espreita / Á espreita do perigo
António lá ia / Naquela agonia

Dum guarda escondido
Ai valha-me Deus, dizia baixinho
Tão grandes os céus, tão longo o caminho;
Dormia em segredo á beira dum rio
E a manta do manta do medo tapava-lhe o frio;
Vestia a coragem de quem vai morrer
Ao passar a fronteira que o vira nascer