<> Existe um espaço de 20 segundos entre o começo do Fado e a sua identificação <>
Loading ...
<> <> <> <> <>
Vai certamente encontrar // Algumas incorreções /:/ Se quiser, pode ajudar // Com boas informações.

<> <> <> <> <>
As letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.

<> <> <> <> <>
A seguir aos índices encontrará uma lista aconselhável de FONTES de FADO !!!

<> <> <>

<> <> <>
5.875 LETRAS // 1.470.000 VISITAS // NOVEMBRO 2019

Menina Lisboa

Francisco Radamanto / Martinho d’Assunção *fado faia*
Repertório de Anita Guerreiro

Lisboa é certa menina
Que tem por sina uma canção
Trabalha, canta, nas sofre
E faz seu cofre no coração

De manhã lá vai à vida / 
Toda garrida como é seu lema
Deixando p’lo seu caminho / Um bom cheirinho a alfazema

Vem d'Alfama, desce a Graça
E onde ela passa, passa a alegria
Que esta vida é uma cantiga
De rapariga da Mouraria
P'rás suas pernas ligeiras
Não há canseiras, tudo é um salto
Lá vem menina Lisboa
Da Madragoa, do Bairro Alto

E à noite, no bailarico
Há sempre um Chico todo garboso
Que se um beijinho lhe apanha
Que coisa estranha, fica baboso

Menina Lisboa adora / 
Por alta hora, bailar, cantar
Mas mal desponta a manhã / Fresca e louçã vai trabalhar

Vós todos por minha fé
Sabeis quem é esta menina
Que tem cravos à janela 
E é tão bela como ladina

Há milhentas iguaizinhas / São alfacinhas sorrindo (?) à toa
Há uma em cada recanto / Supremo encanto desta Lisboa