- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.515 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Senhora dos meus passos

Aldina Duarte / Alberto Correia *fado vanda - sem razão*
Repertório de Aldina Duarte 

Quem me dera ser aquilo que não vejo
Donde nascem as palavras prometidas
E ver um anjo caído
Por ter esquecido vidas vencidas
Rasgo o manto das certezas
Entre as coisas proibidas

Caminho pela estrada fora
Sem rumo nem perdição
Apenas num instante
O meu amor errante
Traçado na tua mão

Eu aceito a minha dor, a que não quer
Sangrar um coração em morte lenta
Eu poderia mentir
E até fingir quem se lamenta
Na procura da verdade
Só o destino me atormenta

Caminho pela estrada fora
Sem rumo nem perdição
Apenas quero ser
Um corpo sem querer
Feliz sem ter razão