- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.590 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Outra noite

Tiago Torres da Silva / Alfredo Duarte *fado cravo*
Repertório de Ana Margarida 

Se a noite deixasse ao dia
O que eu tenho de alegria
Quando, ao ver a escuridão
Os meus olhos compreendem
Que aquilo que não entende
Só entende o coração

Quem dera que a madrugada
Deixasse a noite parada / E nunca lhe desse fim
Que ao ver-te os olhos nos meus
Eu não escutasse o adeus / Da noite que eu vejo em mim

Ah meu amor, se eu pudesse
Faria que o sol me desse / O que a noite me roubou
Mas como não posso tanto
Fecho os meus olhos e canto / A noite que eu mesma sou

Não quero saber se o dia
É só feito de alegria / Ou de tristeza também
Não importa o que aprendi
Só quero saber de ti / Sempre que outra noite vem