- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - - - -
As 5.440 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os
- - - - -
Ninguém sabe tudo, ninguém ignora tudo, só todos juntos sabemos alguma coisa <> PAULO FREIRE *filósofo*
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Sombra negra

António Vasco Morais / Alberto Costa *fado dois tons*
Repertório de António Vasco Morais

Sombra negra no meu peito
Não te quero, vai-te embora
Não serves, não te aproveito
No passado nem agora
              
Alastras dentro de mim / A escuridão que enegrece
Não quero parecer assim / Não gosto como parece

Trazes noite à minha vida / E nas trevas já não vejo
Vou sorrir-te à despedida / De onde hei-de mandar-te um beijo

De noite foste o lamento / Que hoje já não me seduz
Acabou-se o sofrimento / Vejo finalmente a luz