- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - - - -
As 5.440 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os
- - - - -
Ninguém sabe tudo, ninguém ignora tudo, só todos juntos sabemos alguma coisa <> PAULO FREIRE *filósofo*
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Sombra

Com este tema do *comendador* JORGE FERNANDO
assinala-se a chegada à meta das 5.000 letras postadas !!!
- - -
Letra e música de Jorge Fernando
Repertório de Mariza 

Desce uma sombra em mim
Que solidão sem fim
Que transparece nos meus olhos magoados
Porque se oculta em mim
A escuridão sem fim
Cuida-me, ò noite, dos meus olhos acordados

Entra, não descartes o momento
Preso a ti o pensamento
Como um beco sem saída
Roda como um livre catavento
Num suplício sem alento
De alentar-me a triste vida

Hoje é o relógio que se atrasa
Ando às voltas pela casa
É o sono que não chega
Arde no meu peito feito brasa
Que ao de leve o fogo traça
Ao tormento que se entrega