As 5.150 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores !!!
---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
<> POR FAVOR, alerte-me para qualquer erro que encontre <>
<> Ninguém sabe tudo, ninguém ignora tudo, só todos juntos sabemos alguma coisa <> PAULO FREIRE
---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
* Por motivos alheios à minha vontade, o motor de busca nem sempre responde satisfatóriamente *

* A seleção alfabética é da responsabilidade da blogspot !!!
* Caso necessite de ajuda envie a sua mensagem para: fadopoesia@gmail.com *
----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Retalhos da vida de um médico

Ary dos Santos / Tózé Brito
Repertório de Carlos do Carmo

Serras, veredas, atalhos / Fragas, estradas de vento
Onde se encontram retalhos / De vidas em sofrimento

Retalhos fundos nos rostos / Mãos duras e retalhadas
Pelo suor do desgosto / Retalha as caras fechadas

No caminho que seguiste / Entre gente pobre e rude
Muitas vezes tu abriste / Uma rosa de saúde

Cada história é um retalho
Cortado no coração
De um homem que no trabalho
Reparte a vida e o pão;
As vidas que defendeste
E o pão que repartiste
São lágrimas que tu bebeste
Dos olhos de um povo triste 


E depois de tanto mundo / 
Retalhado de verdade 
Também tu chegaste ao fundo / Da doença da cidade

Da que não vem na sebenta / Daquela que não se ensina
Da pobreza que afugenta / Os barões da medicina

Tu sabes quanto fizeste / A miséria não segura
Nem mesmo quando lhe déste / A receita da ternura