- - - - -

- - - - -
<> Clique na imagem e oiça Fado <>
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.700 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Mistérios do fado

João Monge / Manuel Paulo
Repertório de Mísia

Andam passos na calçada
Que me acordam, quem será?
Uma sombra na fachada
Decerto não vem por nada
Sabe Deus ao que virá 

A sombra de mão em riste / Perguntou-me se sabia
Como há gente que resiste
A cantar quando está triste / E a chorar de alegria 

Na teia da criação / Alguém deu um nó errado
Eu respondi-lhe que não
Os nós da contradição / São o mistério do fado 


Tocou-me o rosto e sorriu / De um jeito que não esqueci
No mesmo passo partiu
O vento ficou mais frio / Deitei-me e adormeci