- - - - -

- - - - -
<> Clique na imagem e oiça Fado <>
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.685 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

O ardina *Alta noite de madrugada*

Fernando Farinha / Fontes Rocha
Repertório de Fernando Farinha

Alta noite, madrugada
Já sai de casa o ardina
Com destino à redação
Traz as sobras dos jornais
E na boca pouco mais
De que um pedaço de pão

Pé descalço, boné ao lado
Fato de ganga já remendado
Lá vai contente p'ra sua lida
Como a troçar da própria vida


À tarde, depois da venda
Joga à bisca na taberna
Pois no jogo è sempre forte
Tem sorte à bisca, porém
A sorte que ao jogo tem
Não condiz co'a sua sorte