- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.590 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Quando o fado acontece

Manuela de Freitas / J.António Sabrosa *fado pintadinho*
Repertório de Camané

Quando uma voz se levanta
Veemente como uma prece
Quando è a alma que canta
È quando o fado acontece


È a saudade de alguém / È riso, melancolia
Desespero, fantasia / Uma razão que se tem
E já não se sabe bem / O que alegra ou entristece
Mas tudo em volta emudece / Quando uma verdade è tanta
Quando uma voz se levanta
Veemente como uma prece


É uma pausa, um cansaço / Uma aposta desmedida
Tão inútil como a vida / Uma pedra ou um estilhaço
Ou apenas mais un passo / P'ra saber que canto è esse
Que ao ouvi-lo mais parece / Que já não vem da garganta;
Quando è a alma que canta
È quando o fado acontece