- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.590 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Portugal de marinheiros

Maria de Lurdes Brás / Casimiro Ramos *fado pinóia*
Repertório de Maria de Lurdes Brás

Nesta pátria, Portugal
Um país de marinheiros
Terra de homens sem igual
Com sangue de aventureiros

Olhos postos no infinito / Navegando em mar profundo
Soltámos o nosso grito / Demos Portugal ao mundo

Desbravamos oceanos / Nesses mares sem Ter memória
E muito nos orgulhamos / Termos feito a nossa história

Com olhos da cor do mar / Meu filho, amor derradeiro
Para seu país honrar / Fez-se bravo marinheiro

Nesses mares em que te enleias / Ao navegar no convés
Certo estás que em tuas veias / Corre sangue português