- - - - -

- - - - -
<> Clique na imagem e oiça Fado <>
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.700 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

O velhinho

Manuel Carvalho / Alfredo Duarte *fado cuf*
Repertório de Sandra Cristina

De palito ao canto da boca
O cabelo longo esbranquiçado
Um velhinho falou-me com voz rouca
Dele, de mim, da vida, e do fado

Cantas e encantas, digo-te eu
Que tenho muitos anos, fui artista
Com essa linda voz que Deus te deu
Tens graça e gajé p’ra seres fadista

Mas nunca te iludas com a fama
Sê sempre uma fadista verdadeira
Olha que depressa se cai na lama
Mas p’ra levantar leva a vida inteira

Deu-me um beijo e sai muito apressado
Trauteando o menor muito baixinho
Se Jesus também cantasse o fado
Seria tal e qual esse velhinho