- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.530 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Canção de Brazzaville

José Eduardo Agualusa / Ricardo Cruz, Jon Luz
Repertório de António Zambujo

Pois, me beijaste, depois partiste
Até a luz do sol me anoitece
E o azul do mar parece triste
Durante um fulgor tudo foi meu
Coração traidor, bate e esquece
O céu dos dias que me pertenceu

Não sei se inveje quem ama ou se lamente
O amor è uma especie de loucura
Em que vemos bailar o firmamento
Dai-me senhor, a paz do esquecimento

Pois, se vi a lu e a perdi
Sou mais cego agora do que dantes
E o meu fado já não mora aqui
De que servem estrelas a brilhar no céu
Se não tivar na minha, a tua mão
E o teu olhar não iluminar o meu

Pois se a razão me diz, esquece
Neste peito bate um coração
Que contra a razão, faz e acontece
Não existe mentira havendo fé
A lua perdida na imensidão
È quem no alto céu puxa as marés