- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.585 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Madrugada do meu sonho

Hélio da Costa Ferreira / José António Sabrosa *fado pintadinho*
Repertório de Adelaide Rodrigues

Madrugada do meu sonho
Primavera do meu fim
Esperança fugidia
Deitada dentro de mim

Minha manhã meu nascer / Mentira já sem abrigo
Minha noite meu viver / Abraço do meu castigo

Tarde de dia parada / No tempo que me dá frio
Praia deserta, morada / Nas margens do nosso rio