As 5.180 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores !!!
---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
<> POR FAVOR, alerte-me para qualquer erro que encontre <>
<> Ninguém sabe tudo, ninguém ignora tudo, só todos juntos sabemos alguma coisa <> PAULO FREIRE
---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
* Por motivos alheios à minha vontade, o motor de busca nem sempre responde satisfatóriamente *

* A seleção alfabética é da responsabilidade da blogspot !!!
* Caso necessite de ajuda envie a sua mensagem para: fadopoesia@gmail.com *
----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------


Trago uma rua no peito

Tó Moliças / Popular *fado das horas*
Repertório de Ricardo Ribeiro

Trago uma rua no peito
Toda empredrada com fado
Que vou pisando com jeito
P’ra não pisar o passado

Quero morrer na saudade / Que vivo morrendo em ti
Quero os beijos que perdi / Na traição da felicidade;
Quero morrer na saudade / Do teu corpo idolatrado
Pra reviver a teu lado / Este amor puro e perfeito
Trago uma rua no peito
Toda empredrada com fado

E quero a doce loucura / De te ouvir aqui presente
De te ver à minha frente / E andar à tua procura;
Quero viver na tortura / Do teu corpo destroçado
Vago num grito calado / P’ra te merecer no meu leito
Que vou pisando com jeito
Pra não pisar o passado

Trago uma rua no peito
Toda empredrada com fado
Que vou pisando com jeito
P’ra não pisar o passado