- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.585 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Marcha do Castelo

António José / Helena Moreira Viana
Repertório de Carolina

Vem ver o Castelo, aceita o convite
E vem vê-lo sem demora
Eu até tenho um palpite
Que já não te vais embora

Sobe essa escadinha, desce essa calçada
Vê todo o encanto que ele tem
Pra sua rainha, nunca mudou nada
E até está mais novo, vejam bem

Vem ao Castelo, tu que andas lá por fora
Não se perdoa que o não vejas agora
Pois na verdade todos sabe conquistar
E apesar da sua idade, mais gosta de se enfeitar
Outros castelos mais bonitos não invejo
Que o de Lisboa debruçada sobre o Tejo
Tem namorados, quantos mais não sei
E o que suspiram, coitados, só o sabe o Cristo Rei

Vem cá ao Castelo, abre bem os olhos
Pois ele talvez te prenda
Traz saia e blusa de folhos
Ou um vestido de renda

Podes ser modesta ou rica, talvez
Ao Castelo tudo fica bem
Anda sempre em festa
Vem daí que vês 
Como vai gostar de ti também