- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.590 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Mudaste de amor

Emilio Vasco / Moniz
Repertório de Fernanda Maria 

Mudaste de paixão, já não sou tua
Outro amor, outra casa, uma outra porta
E até uma que era a flor da tua rua
No outono da vida é folha morta

Quando o amor me aquecia
Como tu também esquecia
Que nascemos p’ra sofrer
E que a sorte que Deus dá
Muda de cá para lá
Até a gente morrer;
Agora, de mãos vazias
Penso nas horas tão frias
Que ainda tenho de viver

Tudo mudou para ti, a vida é nova
Outro sonho, outro olhar, outra amizade
E em mim, agora nada se renova
A não ser esta dor, esta saudade