- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.590 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Não rias assim

Carlos Conde / Francisco Viana *fado vianinha*
Repertório de Teresa Nunes

Ris com cinismo profundo
De eu chorar de noite e dia
Não há ninguém neste mundo
Que não chore de alegria


Lá porque um dia fui tua / Sem refletir um segundo
Quando me encontras na rua /
Ris com cinismo profundo

E petulante, gingão / Dás largas à fantasia
Nem que sejas a razão /
De eu chorar de noite e dia

Trilhei um caminho errado / Mas no mal não me confundo
Pequei, mas sem um pecado /
Não há ninguém neste mundo

Deixaste-me, ainda bem / Sou livre, quem tal diria
Neste orbe não há ninguém / Que não chore de alegria