- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.585 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Amigo, amor, amante

Fernando Campos de Castro / Antonio Chaínho
Repertório de Natércia Maria

Mesmo que às vezes penses nessa paixão
Que na minha vida um dia eu encontrei
Sabe que foi apenas uma ilusão
E que só por ti amor me apaixonei

Mesmo que ainda julgues ficar sozinho
Vendo bailar a tristeza nos olhos meus
Lembra que só tu amor és o meu caminho
E que os sonhos que hoje sonho são todos teus

Aonde irei buscar uns olhos como os teus
Serenos como o mar, azuis da cor do céu
Ainda que tão perto e às vezes tão distante
És tu o meu amigo amor e amante

Mesmo que às vezes sintas o mar deserto
E as ondas sem areia para beijar
Sabe que sou a praia que vive perto
Cama quente do teu corpo para sonhar

Mesmo que às vezes vejas o sol poente
Com olhos de quem já sente chegar o fim
Lembra-te da minha boca vermelha ardente
E da tua vida inteira dentro de mim