- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.535 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

O Infante

Fernando Pessoa / Dulce Pontes
Repertório de Dulce Pontes

Deus quer, o homem sonha, a obra nasce
Deus quis que a terra fosse toda uma
Que o mar unisse, já não separasse
Sagrou-te e foste desvendando a espuma

E a orla branca foi de ilha em continente
Clareou, correndo até ao fim do mundo
E viu-se a terra inteira de repente
Surgir redonda, do azul profundo

Quem te sagrou criou-te português
Do mar e nós em ti nos deu sinal
Cumpriu-se o mar, e o império se desfez
Senhor, falta cumprir-se Portugal