- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.585 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Minha madrugada

José Guimarães / Resende Dias
Repertório de Arlindo de Oliveira


Foi na madrugada que um sonho encontrei
Foi na madrugada que um sonho perdi
Nas horas passadas no amor que inventei
Palavras caladas guardei para ti

Foi na madrugada á luz já velada
Que vi nos teus olhos não sei não sei quê
Nem beijos trocados, nem mãos encontradas
Desejo sentido que a gente não vê

Nos silêncios vagos momentos vividos
São tudo e são nada, são raiva e loucura
Segredos guardados, sossegos perdidos
Tudo é madrugada, tudo é noite escura

Espero que o dia enfim amanheça
Transforme o desejo em realidade
Que a minha alegria enfim apareça
E eu prenda num beijo a nossa verdade