<> Canal de Rádio criado em homenagem a RODRIGO <>
Clique na imagem e oiça a Rádio Bocas do Fado

<> <> <>
As 5.780 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.

<> <> <>
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa.
Paulo Freire *filósofo* 1921 <> 1997

<> <> <>
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

O fado *Dulce*

Guilherme Pereira da Rosa / Frederico Valério
Repertório de Dulce Guimarães

O fado, fado nascido em Lisboa
É voz de pena que soa
Mágoa que do peito vem
O fado, é bairro velho que chora
Alfama que se enamora
E conta o amor que tem

O fado, é canto de feiticeiro
É Alfredo Marceneiro
É um dom, uma expressão
E é fado, guitarra que nos murmura
Tudo aquilo que perdura
Bem dentro do coração

Ao fado, Lisboa diz o que sente
Vai nele a alma da gente
Pois é esse o seu condão