<> Canal de Rádio criado em homenagem a RODRIGO <>
Clique na imagem e oiça a Rádio Bocas do Fado

<> <> <>
Este espaço foi criado <> Com grande dedicação <> Por alguém que faz do fado <> A sua religião.

<> <> <>
As 5.845 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.

<> <> <>
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa.
Paulo Freire *filósofo* 1921 <> 1997

<> <> <>
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil <> Em caso de dificuldade não hesite em contactar <> fadopoesia@gmail.com

O sonho *humor

Neca Rafael / Miguel Ramos *fado margaridas*
Repertório de Neca Rafael

Que lindo sonho eu tive, mas que sonho
Quando dele me lembro faz-me rir
Um sonho tão medonho que suponho
Que ainda estou a sonhar, estou a dormir

Eu sonhei que era porco, um porco belo
Gorducho, rechonchudo, era um primor
Pois só dormia e comia bom farelo
E o meu sogro era um lavrador

Um lavrador ricaço que a capricho
Me punha sempre cheia a minha pança
Mas um dia me diz: tem paciência, anda cá bicho
Porque chegou a hora da matança

Amarrou-me uma corda e eu a roncar
Deitado sobre um banco, só num grito
Nisto vem um com uma faca e um alguidar
Nessa altura acordei muito aflito

Mal tinha despertado vi então
Muito agarrado a mim, o merceeiro
Nervoso, fazendo esta exclamação:
Só te cacei a dormir meu caloteiro

Estava a sonhar que era porco; lhe disse eu
E uma linda historinha lhe puz pronta
Que ele ouviu-a e também adormeceu
E sonhou que eu já lhe tinha pago a conta