- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.585 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Fado bailado

Henrique Rego / Alfredo Duarte *fado bailado*
Repertório de Alfredo Marceneiro

À mercê dum vento brando
Bailam rosas nos vergeis;
E as Marias vão bailando
Enquanto vários Manéis
Nos harmónios vão tocando

A folhagem ressequida / Baila envolvida em poeira
E com a razão perdida / Há quem leve a vida inteira
A bailar com a própria vida

Baila o nome de Jesus / Em milhões de lábios crentes
Em bailado que seduz / As falenas inocentes
Bailam á roda da luz

Tudo baila, tudo dança / Nosso destino é bailar
E até mesmo a doçe esperança / Dum lindo amor se alcançar
De bailar nunca se cansa