<> Canal de Rádio criado em homenagem a RODRIGO <>
Clique na imagem e oiça a Rádio Bocas do Fado

<> <> <>
Este espaço foi criado <> Com grande dedicação <> Por alguém que faz do fado <> A sua religião.

<> <> <>
As 5.845 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.

<> <> <>
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa.
Paulo Freire *filósofo* 1921 <> 1997

<> <> <>
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil <> Em caso de dificuldade não hesite em contactar <> fadopoesia@gmail.com

Morena lá do canto

Francisco Radamanto / Miguel Ramos *fado calisto*
Repertório de Natalino Duarte

Oh morena aí do canto
Escute, não seja má;
Você agrada-me tanto
Que eu sinto apenas que canto
P'ro canto onde você está

Cá, deste canto onde eu canto / Só vejo esse canto seu
Você dá-lhe um tal encanto
Que eu gostava que esse canto
/ Cá da casa, fosse meu

Já me começam a olhar / Seus olhos, que brilham tanto
Que estou vaidoso a pensar
Que você está a gostar / Muito, do fado que eu canto

Em acabando portanto / Vou p'ro seu canto e depois

Se quiser nunca mais canto
E arranjo outro canto / Que seja só de nós dois

Mas enquanto não consigo / O canto, dê-me carinhos
Não se importe, não há perigo
Se quizer venha comigo /
Brincar aos cinco cantinhos